FORMADORES FLAG, O QUE DIZEM… “FLAG IS THE PLACE PARA SE DAR FORMAÇÃO“

6 de Maio de 2016

Acarinhado pela FLAG desde 2008, o Ricardo Guerreiro é Designer Gráfico e partilha os seus conhecimentos e a sua arte com os formandos de forma entusiasta.
Hoje conta-nos mais sobre este processo formativo.

 

De que forma te tornaste formador na FLAG?
RG: A minha entrada na FLAG embrenha-se num conjunto de acontecimentos cuja sucessão está cronologicamente difusa. Não me recordo se terá sido por via de candidatura espontânea ou resposta a anúncio; recordo sim que no verão de 2008 o meu telemóvel toca e do outro lado alguém se apresentou, acrescentou mais algumas coisas ao discurso e a única coisa que retive foi “FLAG – 10:30”. Escusado será dizer que todo eu vibrava de contentamento, na rua eu gesticulava, esperneava de alegria. Só o facto de me quererem ouvir já era o equivalente a escalar o K2.
Fui à entrevista e passado pouco tempo iniciei o meu percurso como Formador na FLAG, e tem sido uma viagem e tanto.

 

Como é dar formação na FLAG?
RG: Sun Ra tem uma música intitulada “Space is the Place”​, e eu devo dizer “FLAG is the Place”, sem margem para dúvida. Uma equipa extraordinária.
É verdadeiramente uma experiência gratificante dar formação aqui. A boa disposição e o bom humor estão sempre presentes. Como mencionei, iniciei a minha colaboração como Formador com a FLAG em 2008, e nessa data este nome era já uma referência no mercado da Formação. Para mim representou e representa um grande louvor. Dirigimo-nos para o nosso local de trabalho de sorriso aberto quando sabemos que vamos ser igualmente recompensados com muitos sorrisos.

 

Além de formador, quais são as tuas ocupações profissionais?
RG: Actualmente sou Designer Gráfico e PNL Practitioner – duas ocupações indissociáveis da minha ação como Formador.

 

Qual o maior desafio que já enfrentaste durante uma ação de formação?
RG: O maior desafio é encontrar a dinâmica certa de cada turma e fazer com que cada elemento se entrose. Isso faz com que o Formador se torne num verdadeiro agente criativo, arranjando formas de ligar as pessoas mediante as suas motivações e valores, e criando um rapport generalizado.

 

Como descreverias a relação entre o Formador e o Formando?
RG: Muitos dos formandos que tive são actualmente grandes amigos com os quais partilho experiências, e há uma grande entreajuda.

 

Sentes que já surgiram novas oportunidades profissionais pelo facto de seres formador na FLAG?
RG: Sim. E este “sim” é muito expressivo: não só fez surgir novas oportunidades profissionais, como impulsionou a minha criação de oportunidades.

 

Gostarias de deixar algum conselho a quem está a pensar frequentar formação na FLAG?
RG: Do que é que estão à espera? Qualquer forma de exponenciação de conhecimento é uma forma de valorização e de criação de objectivos – e sem objectivos andamos à deriva. Os cursos são estruturados em contexto real de trabalho, e todos os formadores trazem na bagagem a partilha de experiências que ajudam o formando a encurtar o caminho na sua evolução. Além disso, os objectivos de cada curso são apropriados à realidade pessoal e profissional do formando.

 

Ricardo Guerreiro
Formador de Design Gráfico.
Linkedin: https://www.linkedin.com/in/ricardo-guerreiro