FLAG: Porquê? “Sinto que possuo um leque de ferramentas que me permitem agarrar as oportunidades que surgem”

12 de Agosto de 2016

Depois de se licenciar em Design Multimédia, a Sara sentiu que necessitava de uma formação mais prática e técnica, que aumentasse as suas possibilidades de entrada no mercado de trabalho. Foi assim que ingressou na formação da FLAG: do Design Gráfico rapidamente alastrou as suas skills ao Motion Graphics. E a sua ambição não fica por aqui. 🙂

 

Por que motivos procuraste a FLAG?  
SV: Senti necessidade de preencher os “gaps” de uma licenciatura defeituosa e após uma vasta pesquisa optei por me inscrever na FLAG Lisboa.

 

O que te fez voltar à FLAG para frequentar mais formação?
SV: Curiosidade , interesse e o gosto de querer aprender com quem gosta de ensinar. 

 

Qual a tua opinião sobre os formadores?
SV: Os formadores são pessoas “fora de série”. Conquistam uma turma com a simpatia, disponibilidade, abertura e partilha de informação. Para além de professores, são pessoas que trabalham na área e que estão em contacto com todos os problemas que surgem no mercado e nas indústrias criativas, conseguindo esclarecer com clareza todas as dúvidas que um jovem criativo e sem experiência coloca em voz alta. 

 

Consideras que o curso FLAGProfessional Graphic Designer ajudou na tua preparação para o mercado de trabalho?
SV: Sim. O plano de estudos está estruturado de forma a saciar as necessidades de um jovem designer sem experiência na área. 

 

Sentes que a formação te proporcionou novas oportunidades?
SV:
Informação gera informação. E na minha experiência, a partilha da mesma abriu-me o horizonte e deu-me noções não só de como abordar empresas/clientes, como colegas de trabalho. Neste momento, sinto que possuo um leque de ferramentas que me permitem agarrar as oportunidades que surgem no dia-a-dia.

 

Qual o caminho que pretendes seguir na tua carreira profissional?
SV:
O céu é o limite. Hoje em dia quantas mais ferramentas possuirmos mais oportunidades podemos agarrar.

 

Recomendarias a formação da FLAG a outras pessoas?
SV:
Sim. Não há nada melhor do que ter formadores que partilham toda a informação e experiência que têm, adaptando-a às necessidade de uma turma e aos interesses individuais do formando. 

 

Sara Vitória
Ex-formanda do curso FLAGProfessional Graphic Designer (2015-2016), e atual formanda do curso Especializado Motion Design.